Notícias, reportagens, entrevistas, tutoriais, downloads e curiosidades sobre o universo M.U.G.E.N. e Ikemen

OldGamers: “Estou a 8 anos codificando no Mugen”

OldGamer é um reconhecido maker para o Mugen, tendo em seu currículo mais de 480 cenários, entre outros trabalhos importantes.

1 292

Tradução: PseudoInglês

Quem nasceu na década de 80 e acompanhou de perto a evolução dos games sabe a paixão que os jogos despertam. E não importa idade.  Os games ajudam a conectar gerações inteiras de gamers. E o Mugen em si já desperta este sentimento de saudosismo quando consegue nos transportar para os clássicos games de luta em 2D.

Mudando um pouco de assunto, se eu te pedisse para descrever um homem na faixa dos seus 60 anos, como você descreveria?Talvez um senhor jogando cartas e achando games uma perda de tempo. Talvez né? E se eu te dissesse que existe um americano de 61 anos que adora jogar games. E mais ainda, ele é apaixonado pelo Mugen.

Eu tenho percebido muita gente “das antigas” criticando “os novos gamers”. Talvez nem te surpreenda. Mas e se eu te contasse que ele é um maker de renome e muito ativo nos fóruns e canais de Mugen? Incrível, não?

Talvez “incrível” seja a melhor frase para descrever OldGamers. Ele tem o nome de James T. Castor, mora na cidade de Cleveland, no estado americano de Ohio, e segundo ele mesmo brinca:

Embora minha voz soe como um garoto de 20, eu tenho 61 anos de idade.

OldGamer Mugen Maker

 

Eu sou um grande fã de OldGamers e não podia deixar de entrevistá-lo para o site. Abrindo um parênteses aqui, eu me recordo de um antigo slogan do Ministério da Saúde, quando divulgava o calendário de vacinação para a terceira idade, que dizia: “Velho é o seu preconceito“.

Como ele conheceu o Mugen?

James afirma que foi uma história interessante. O próprio filho Jake foi quem o introduziu ao Mugen.

“Eu estava lendo minha bíblia e eu ouvi meu filho fazendo muito barulho, gritando palavras como ‘meu Deus, olha só isso’, ‘eu não acredito, esse jogo é incrível’. E ele estava com a música do jogo muito alta”.

Apesar de ter gostando muito da novidade, Jake detestou o cenário. E ele continuava gritando: “Oh meu Deus, quem fez este cenário horrível? Está muito ruim para um jogo tão bom”.

Foi quando James resolver ir até o quarto para ver o que estava acontecendo. Ao pedir mais calma, ouviu de Jake: “Desculpe pai, mas esse jogo é divertido pra caramba. Porém, tem esses cenários SNK Neo Geo para o Mugen, mas não tem zoom”.

O jogo em questão era uma versão para o Mugen. Diante do cenário de satisfação com o jogo, mas decepção com os cenários, James lançou um desafio para o próprio filho:

Se você não está satisfeito com esse cenário, porque não faz você mesmo?

 

Mas Jake rejeitou o desafio, por não ter tempo e nem ideias para tal tarefa, e devolveu o desafio: Quer saber? Por que você mesmo não faz esses cenários e prova que estou errado? E James não rejeitou: “Eu disse a ele, claro! E o desafio foi aceito”.

Art of Fighting: Todoh Stage, o primeiro stage feito por OldGamers, sob encomenda para o filho.

E o nome OldGamers? O nick surgiu por acaso. Seu filho sempre o chamado de Jogador Velho, por causa da idade: “Agora estou podendo curtir videogames porque estou aposentado, e só o que eu faço atualmente”.

As primeiras criações

Complete Blue Mugen, o primeiro screenpack criado por OldGamers.

James não tinha uma ideia de como começar a criar algo no Mugen. “tive que fazer umas pesquisas de como fazer cenários no Mugen, do zero. Então eu encontrei esse tutorial para fazer cenários no fórum Mugen Fighter Guild“.

A partir daquele momento ele resolveu mergulhar nos tutoriais disponíveis e conseguiu finalmente criar um cenário para seu filho: “ele estava tão feliz em ver seus cenários SNK favoritos ganharem vida no Mugen”.

O ano era 2013. A partir dai, ele passou a criar projetos nos fóruns Infinity Mugen Team e MFG.

Com 8 anos de experiência codificando o Mugen, OldGamers era, inicialmente, criador de cenários. Depois passou a aprende a fazer Lifebars e, posteriormente, com a ajuda do maker Gui Santos, converteu antigos screenpacks do WinMugen para o Mugen 1.0

“Quando você é pai, como sabem, você não tem muito tempo para jogar vídeo game. Você cria uma família enquanto é jovem. Mas quando eu fiquei mais velho, eu tive tempo para videogames. E o Mugen mudou minha vida.”

Quais dificuldades iniciais?

Eu não encontrei nenhuma dificuldade no início. E para mim foi fácil e explicativo. O Mugen é de auto aprendizagem. Isso significa que a pessoa aprende a pensar e mexer com códigos, isso é um fato bem conhecido. O Mugen sempre ensina como os códigos funcionam.

 

James relata que fez muitos cenários para o Mugen em 2013. Entre os trabalhos ele cita:

  • Cenários: Art of Fighting 1, 2 e 3, Samurai Showdown 1, 2, 3, 4 e 5, Last Blade 1 e 2, Waku Waku 7 e Galaxy Fight.
  • Screenpacks: M.I.C.A, BIT Mugen Screenpack, Super Mugen Screenpack, M.E.S. Mugen Screenpack, Crusader Cast Tournament e Blue Mugen Screenpack.

Além destes trabalhos, OldGamers possui lifebars e algumas conversões para o Ikemen.

Aqui uma reunião de criações de OldGamers

“Esses cenários eu ripei o sprite de background usando o emulador Nebula’s 2.25b (O Nebula é um poderoso emulador para jogar jogos Neo Geo no PC) e Winkawaks 1.56 (É um emulador dos sistemas de arcade CPS-1 e CPS-2 Capcom Play System e Neo-Geo), mas eu nunca os chamei de minha verdadeira criação”

GoldenTemple para Mugen 1.1, um belo palco criado por OldGamers.

E James afirma que nunca levou créditos pelo background que foram feitos pela SNK. Mas a primeira criação de fato foi um screenpack: Mugen Infinite Character Arena Screenpack. Era uma versão mais antiga, no ano de 2014.

“Essa foi a minha grande criação. Meu primeiro conteúdo original de Mugen que eu posso chamar de minha”.

Mas o maior reconhecimento foi com o Screenpack “M.I.C.A”, que se tornou um grande sucesso.

E porque M.I.C.A? “A palavra veio do meu filho porque ele queria usar o nome da minha neta Mica Castro. Eu ri tanto e disse ao meu filho ‘por que eu usaria minha neta?’, e ele disse ‘Pense nisso pai, Mica seriam as iniciais de Mugen Infinite Character Arena. Então ficamos com este nome para o meu primeiro pacote de telas.

E o M.I.C.A é a grande paixão de James. “É a melhor criação que fiz e sempre fará parte de todos agora. Já o Blue Mugen foi meu fracasso e erro. Quando eu liberei o screenpack de edição Blue Mugen, ninguém se importou ou deu algum tipo de feedback real”.

A comunidade do Mugen

OldGamers é um frequentador e colaborador assíduo dos fóruns de Mugen. Ele afirma que nunca teve atrito com ninguém. Para ele o Mugen é um hobby.

“Nunca me envolverei no que quer que seja. Meu principal objetivo é ajudar a todos e qualquer um que queira aprender a fazer cenários e screenpacks no Mugen. Eu amo fazer isso para todos, para se divertirem, e eu nunca peço comissão”

Existe um personagem ou jogo completo que ainda não existe, mas você adoraria vê-lo criado no Mugen?

“Essa é uma boa pergunta. Acho que deveria ter os personagens do filme “The Dark Crystal” (1983), de Jim Henson”.

The Dark Crystal

O seu filho Jake ainda joga Mugen ou produz na engine?

“Não. Jake nunca gostou de criar Mugen. Na verdade, ele odiava. Ele preferia joga-los. Não, não jogamos mais porque ele tem a própria família para cuidar agora”

Quando o seu game favorito no passado e no presente?

“Quando eu era criança, lá em 1968, houve um jogo de tiro feito pela Nintendo era Rifleman, que era uma espingarda de brinquedo. Em relação a games de luta eu prefiro o Tekken. E também costumo jogar PSO2 (Phantasy Star Online 2), da Sega”.

Projetos para o futuro

Sobre criar algo de Tekken? Não. Eu não quero que a Namco venha atrás de mim com um processo. Muitos fãs de Mugen têm pedido para eu fazer algo de Tekken, mas eu não quero fazer isso.

Sobre seus futuros projetos, OldGamers dá algumas pistas. Atualmente ele está focado em um novo screenpack com a resolução de 480p, mas sem previsão de lançamento.

E ele finaliza dizendo que há outros projetos em andamento, mas ele prefere deixar em segredo.

Contatos

Canal do YouTube

Fórum JusMugen

Site

Você pode gostar também
  1. […] OldGamers, pelo suporte e as dicas fundamentais. […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.